Comunicado de Imprensa

Dinossauros: os “Gigantes” estão de volta ao Pavilhão do Conhecimento

08 de Novembro de 2022



Dez anos depois, os dinossauros regressam ao Pavilhão Conhecimento, em Lisboa, onde vão habitar até setembro do próximo ano. A inauguração da exposição Dinossauros – O Regresso dos Gigantesterá lugar no dia 11 de novembro, sexta-feira, às 18.00.

 

Herbívoros, carnívoros, grandes, pequenos, couraçados, com golas, cornos, cristas e dentes afiados. Nesta exposição vamos ficar a conhecer de perto e à escala real muitos dos dinossauros mais carismáticos que conhecemos desde sempre. Transformado em Pavilhão Jurássico, o museu irá receber, entre outros, um Ankylossaurus. A expressão “armado até aos dentes” é quase literal neste dinossauro, já que a sua armadura se estendia até às pálpebras ósseas. Marcará também presença o famoso Tyrannosaurus rex, um dos maiores predadores que alguma vez existiu: podia pesar oito toneladas e tinha a dentada mais poderosa do reino animal. Mas o primeiro lugar do pódio em velocidade pertencia ao Ornithomimus, um dos novos residentes do Pavilhão do Conhecimento.

 

A estes dinossauros juntam-se ainda o Stegossaurus, o Triceratops, o Deidonychus e muitos mais. Desengane-se quem pense que este é um “assunto do passado”: todas as semanas, descobre-se, em média, uma nova espécie de dinossauro. Como cresciam os dinossauros? Que sons faziam? Como se camuflavam e como se defendiam? Muitas das respostas a estas perguntas serão dadas pelas espécies que marcam presença na mostra.

 

A exposição mostra-nos que graças aos avanços da Paleontologia conhecemos melhor espécies extintas há 66 milhões de anos, como o Tyrannosaurus rex, do que muitas espécies atuais. Munidos de trinchas e pás, os visitantes são convidados a entrar no mundo da Paleontologia, passando pelas suas várias estações, desde a tenda de campanha até ao laboratório. Pequenos e grandes exploradores irão participar ativamente numa escavação, desvendar os sons que dominavam o Cretácico, fazer uma ilustração científica de um dinossauro e reconstruir um esqueleto.

 

Muitos dos dinossauros que habitaram o nosso país também estarão em destaque nesta mostra. Pela primeira vez surgirão todos juntos e ilustrados à escala real, ocupando as grandes paredes da nave do Pavilhão do Conhecimento. Na verdade, Portugal é o sétimo país do mundo com mais espécies de dinossauros: 25 no total. Lidera no número de descobertas por área, estando no “top 10” com a Argentina, China e Estados Unidos da América.

 

A mostra integra ainda testemunhos de especialistas na área da Geologia e da Paleontologia e de jovens apaixonados por dinossauros, que aceitaram partilhar com o público a sua paixão.

Acolher estes gigantes de quatro metros de altura e duas toneladas e meia de peso obrigou o Pavilhão do Conhecimento a reforços especiais. A começar pelo chão, que teve de ser intervencionado para aguentar o peso de tão colossais criaturas.

 

Tal como a Paleontologia, esta é uma mostra em que a anatomia, geologia, química, física, matemática, informática e estatística se juntam para nos contar a história destes “gigantes”. 10 000 espécies de dinossauros ainda vivem entre nós... Será que já se cruzaram com alguma?

 

A exposição Dinossauros – O Regresso dos Gigantes pode ser visitada até setembro de 2023 no Pavilhão do Conhecimento. 

O Pavilhão do Conhecimento é membro de:

rede logo
ecsite logo
eusea logo
astc logo
turismo logo
icom logo


Newsletter


Subscrever Subscrever

icom logo

icom logo